You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.

Carregando...

Mulher matar o marido com golpe de faca em Andradina

Uma auxiliar de limpeza, de 47 anos, que teve o nome preservado, foi presa em flagrante no domingo (24), acusada de matar o próprio marido, em Andradina (SP).


 O crime ocorreu em frente a casa onde o casal residia, na rua Ceará, na região central da cidade. Ela teria sido a autora da facada que tirou a vida de Miguel Ranusi, ao ser atingido no peito.


Apesar de ter fugido do local logo após o ocorrido, a auxiliar geral acabou detida próximo ao terminal rodoviário. Aos policiais ela justificou que houve uma discussão familiar e que a vítima tentou agredi-la com socos. Para se defender alegou ter se armado com uma faca da cozinha e desferido o golpe na região do tórax.


 De acordo com o Boletim de Ocorrências, a PM foi acionada após solicitação de apoio de uma unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros que já estava no local tentando dar os primeiros socorros à vítima.


De imediato, as equipes policiais deslocaram até a residência e encontraram a vítima com hemorragia na região do tórax.


 PEDINDO AJUDA


Um vizinho relatou que ao chegar do turno de trabalho em sua casa deparou-se com a acusada solicitando à ele apoio para fuga e confessando ter assassinado o marido com uma pancada. Assustado, o vizinho correu até a feira livre que ocorria nas imediações para procurar socorro. Nesse intervalo a suspeita acabou fugindo.


Durante a preservação do local, no Interior da casa, policiais observaram sangue no chão da sala e corredor, bem como uma faca suja, possivelmente utilizada no crime. A arma branca foi deixada no chão do corredor que dá acesso aos quartos.


 Em contato telefônico com a acusa, os policiais ainda tentaram sem sucesso fazer com que ela retornasse ao local do crime. Momentos mais tarde, a acusada então foi localizada perto do terminal rodoviário, onde acabou presa após ser abordada. Devido ao flagrante, a mulher vai continuar detida enquanto aguarda determinação da Justiça. 


(Com informações do portal Urubupungá News).